Follow by Email

domingo, 13 de novembro de 2011

Fugindo da cânula ( hidrolipoclasia não aspirativa)

Dependente do ultrassom, a hidrolipoclasia não-aspirativa, ou seja, a "quebra" do tecido adiposo infiltrado com água pelas ondas do aparelho é um procedimento simples e minimamente invasivo - com bons resultados especialmente no tratamento da gordura localizada.

É realizada uma infiltração prévia no local a ser tratado de uma solução que em geral é a associação de água destilada com soro fisiológico.Essa costuma ser a mesma infiltração usada na lipoaspiração tumescente e no que costumamos ouvir em hidrolipo. Após é realizada a aplicação do US nesse local. Eu prefiro usar o manthus, pois ele já vem comuma programação para hidrolipoclasia. As células de gordura (adipócitos) previamente cheias e mais frágeis após o líquido injetado sofrerão mais facilmente as ações do US descritas acima. O tratamento pode ser complementado com a utilização de substâncias que auxiliem no combate a celulite e gordura como a cafeína, fosfatidicolina, algas etc.. Imediatamente (na mesma sessão) pode ser acrescentado a carboxiterapia, com resultados ainda mais favoráveis.
Eu ainda sugiro uma boa aplicação de endermologia no início do processo. Os resultados são surpreendentes.

Vantagens em relação a hlpa aspirativa
Elininação de gordura sem cortes, internações com introdução de substância inofenciva ao corpo.


Desvantagens em relação a hlpa aspirativa
- É necessário de 6 a 10 sessões semanais para obter o resultado satisfatório.


Preço médio da HLPA ASPIRATIVA R$ 500,00 Por área
Preço médio da HLPA NÃO ASPIRATIVA R$ 70,00 por área

Um comentário:

  1. Olá,
    Gostaria de saber quais são os riscos da Hidrolipoclasia + carboxiterapia.
    Obrigada Iris

    ResponderExcluir